domingo, 17 de janeiro de 2016

Morre garoto atingido por raio em praia no litoral de São Paulo

Acidente aconteceu no dia 19 de dezembro de 2015, em Mongaguá.

Mohamed Usema Rabah, de 10 anos, teve morte cerebral.

Garoto estava internado há quase um mês (Foto: Reprodução / Facebook)
Garoto estava internado há quase um mês 

criança atingida pela descarga elétrica de um raio em Mongaguá, no litoral de São Paulo, morreu neste sábado (16).
Mohamed Usema Rabah, de 10 anos, estava internado em um hospital de São Paulo desde 19 de dezembro do ano passado e teve morte cerebral.
O menino de 10 anos estava acompanhado da mãe e da irmã, na praia do Centro, quando um raio caiu próximo à família, no dia 19 de dezembro de 2015. A força da descarga elétrica atingiu o trio, e o garoto sofreu uma parada cardiorespiratória. A mãe e a irmã do garoto não sofreram ferimentos.

"Quando houve a queda do raio, os três caíram. Rapidamente, um de nossos salva-vidas foi prestar os primeiros socorros e tentou reanimar o garoto", explica o tenente.
Na época, o tenente do Corpo de Bombeiros Fernando Adão explicou que o resgate chegou rapidamente ao local de onde a família se encontrava.
Após o acidente, o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionado e realizou o resgate da criança. Rabah foi levado para o Hospital Irmã Dulce, em Praia Grande, e, em seguida, transferido para o Hospital Nove de Julho, na Capital.
Depois de 29 dias internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), o garoto não resistiu aos ferimentos e teve morte cerebral.
O garoto foi velado na Mesquita Islâmica de Santos e sepultado no Cemitério Islâmico de Guarulhos, neste domingo (17), às 15h.
Criança foi encaminhada para hospital após ser atingida por impacto de raio (Foto: Reprodução/TV Tribuna)Criança foi encaminhada para hospital após ser atingida por descarga de raiofonte G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário