sexta-feira, 12 de fevereiro de 2016

BOMBEIROS DO SAMBÓDROMO



"Quem chora desce antes", diz bombeiro responsável por "içar" integrantes nos carros alegóricos
Alguns destaques das agremiações precisam esperar até 40 minutos para saírem dos carros
Melo e sua equipe completam sete carnavais de "salvamentos" em carros alegóricos no Sambódromo do Anhembi

O bombeiro civil Melo, 37 anos, está acostumado com as alturas. Há sete anos ele atua no Carnaval de São Paulo no auxílio a alguns destaques das escolas de samba que ficam no alto das alegorias.

Melo, que é bombeiro há 12 anos e operador de guindaste, e dois ajudantes puxam as cordas para direcionar uma espécie de gaiola que transporta os integrantes das escolas para o alto dos carros. Ele e a equipe possuem uma série de códigos e gestos para realizar a operação e o trabalho é delicado.

Segundo Melo, algumas pessoas chegam a esperar até 40 minutos para descer. No entanto, a equipe fica de olho em todos para garantir que ninguém está passando mal ou sentindo medo.

— Quem chora desce antes.

A equipe tenta acalmar os foliões também, mas sempre atua com agilidade para retirar quem está com medo em cima das alegorias.
fonte R7

Nenhum comentário:

Postar um comentário